Tuesday, February 7, 2012

Tô congelada mas eu tô legal !!


* Eu tenho umas luvinhas de couro que cheguei à conclusão que não valem nada !! O efeito é o mesmo que usar luvas de renda. Quero daquelas negras de material sintético duro por fora e forradas de lã que parecem mãos de gorila. 

* Aí gente, quem quiser dar vir um rolé por aqui compra luva decente, hein ? A dor nas mãos é insuportável quando não há proteção apropriada. Queima demais, parece que levei uma paulada com barras de ferro.

* Aliás, morrer congelado deve ser uma das piores formas de morrer. Todo dia leio no Metrô ou no Sp!ts sobre um mendigo que morreu congelado. O que foi triste mesmo foi o caso de um garotinho Michael, que estava desaparecido desde quarta-feira da semana passada. Saiu da casa dos avós em direção `a própria casa uns 100 m adiante e nunca chegou. O corpo foi encontrado em um canal ontem, depois de uma busca intensa de helicóptero e muito quebrar canais das redondezas em diversos pontos. Ele tinha um certo retardamento mental, então ao que tudo parece decidiu não ir para casa. Mudou a rota e acabou na água geladíssima que em dois dias se congelou e virou seu sepulcro. Triste.

Foto: Leidenvandaag.nl

 * A ambulância de animais está tendo um trabalhão resgatando gansos, cisnes e patos com as perninhas congeladas. O pessoal vive chamando pedindo socorro. O negócio funciona assim: patinho senta um pouquinho sobre o gelo para descansar, já tá magro por falta de comida, puxa uma soneca, aí quando tenta se arrancar prá outra freguesia... não sai do lugar.  Pena. Já vi um paradinho sobre o gelo, achei que a qualquer hora ele iria se mover e cheguei à conclusão que ele tinha virado estátua involuntariamente.
Foto: WFA / Harm Meter (METRO)

* Meu carro descarregou a bateria de novo. Sem comentários.

* Esses dias passou na TV o filme de 1999 De Hel van 63 (O Inferno de 1963) sobre o Tour das 11 cidades, quando a Holanda chegou a -19C. Teve um índice de dois milhões de telespectadores televisivos (creiam-me: é muito em termos de Holanda). E está de novo em cartaz de cinema - lógico, com o frio absurdo que está fazendo agora o pessoal já está pensando se vai poder acontecer o tour das 11 cidades nos próximos dias. Esse é o maior tour de patinação no gelo do mundo (200km de percurso ligando 11 cidades da Frieslândia, no norte da Holanda). Eu já tinha visto o filme no cinema e até bloguei a respeito aqui.  A trama é meio fraquinha simples: fala sobre quatro jovens adultos que decidem participar do tour por diversas razões pessoais: um adolescente muito ousado e pobre aposta dinheiro para salvar a fazenda dos pais, um desempregado quer completar o tour para impressionar a mulher grávida que o abandona dias antes da dar a luz, uma enfermeira quer homenagear um amigo que morreu afogado e o quarto protagonista é um soldato fugitivo. Tudo em nome de uma medalhinha de participação no tour, aff ! Abaixo, um trailer do filme. O bonito são os efeitos especiais (quando alguns participantes alucinam de frio e vêem monstros e ursos de gelo, por exemplo). Pena que eu não tenha encontrado nenhum filminho no Youtube com essas cenas.


E prá quem entende holandês aqui está o filme inteiro (percebi alguns cortes). Quem não entende holandês tira o som. Holandês não é semelhante à nenhuma outra língua desse sistema solar.



Mudança de layout = subida no número de seguidores. Uhuu ! Obrigada ao últimos seguidores desse blog, esse é o maio incentivo prá mim ! Sigam-me também no twitter: @AnnaGFH
(E digam aí prá mim o que preferem ver por aqui. )

8 comments:

Aledys Ver said...

I haven't seen The Hell of 63 yet. Is it really that interesting? While I find myself excited about the possibility of there being an Elfstedentocht, I don't see how you can make a film about it that is gripping... I guess I'll have to see it to learn how :P

CarlaB said...

Muito legal sue texto, adorei! Não sabia da história dos patinhos...ô dó! Será que eu encontro na internet o filme c/ legenda em inglês? Bjs

Anita said...

Aledys, it is visually nice to watch in on the big screen. Special effects and all that typical 60's way of living and thinking. I recommend it.

Carla, vc nunca viu um pato congelado aí em Rotterdam ??? Aqui na minha village às vezes vejo um. Mas já li que é melhor não jogar restos de pão nos canais, pois isso estimularia uma praga de ratos (e doenças). O melhor é ligar para a ambulância dos animais quando vc vir uma ave presa. Elas estão tão magras com a falta de comida e tão fracas que eu acho que é melhor a gente se meter no meio dessa "seleção natural" onde só os mais fortes sobrevivem. Ambulância dos animais djá !

Anonymous said...

bom dia Anita , meu nome é Sandra moro no Brasil, em Santa Catarina, cidade de Lages, estava navegando pela internet, pesquisando sobre a holanda e encontrei seu twiter, sabe não imagina realmente o frio, lendo o que você descreve , da até para sentir o frio daqui, realmente frio mas encantador.

Anita said...

Oi Sandra, já está seguindo meu blog ? Espero que sim ! Legal vc poder imaginar o frio estando aí no Br. Olha, quando vi o povo patinando no gelo no Domingo tinha um barbudo com estalactites na barba. Será que dá para vc imaginar isso ?

Anonymous said...

obrigada por responder estalactites, nossa serio, se voce diz da para acreditar sim, ontem passou no jornal,aqui sobre o frio na europa que esta fazendo vitimas, muito triste. era o comentaria la na casa de minha mae quando chegeui!!!!

Anonymous said...

deixa eu te falarAnita ,um dia comentei a um a pessoa que tenho sonhos, e alguns deles é de esquiar , surfar, patinar no gelo, ai ele todo ironico disse, Sandra vc acha que é assim pra aprender?, eu disse , pois sonhar não paga imposto !!!! rsrs bom dia pra vc.

Sandra said...

Oi Anita! Descobri o seu blog há pouco tempo, muito informativo e bacana :-)
Eu nunca tinha ouvido falar de ambulância para animais! Como os bichinhos sofrem nesta época não? Aqui na Suíça também está muito frio!! Vou te seguir :-) Abraços!!